28 de janeiro de 2011

Convites


Hoje recebi a nota que aguardava da faculdade. Passei, claro. Assim como passei a todas as cadeiras. Bom, no fundo, no fundo, eu já sabia, mas nunca é demais guardar os festejos para o final. Torna tudo bem mais divertido. O melhor é que foi com valores bem superiores às minhas expectativas iniciais, pese embora o facto de todas as pessoas me dizerem que estava a ser modesto. Nunca fui modesto, todavia, achei por bem sê-lo nesta nova caminhada que é ser estudante universitário. Convém ter alguma cautela.
O R. voltou a telefonar-me. Reprovou definitivamente a uma cadeira, está pendente em duas e apenas passou a uma com uma nota baixa. Marcámos definitivamente o dia em que, veja-se!, vou ajudá-lo no estudo para as orais e, segundo ele, dar-lhe umas explicações. Ironia do destino!... Eu, simples e modesto colega, dou explicações a um outro colega que era suposto saber tanto quanto eu. Faço-o de bom grado. Volta e meia, convidou-me para ir a Setúbal almoçar à sua casa. Confesso que me senti acarinhado. Senti-me uma verdadeira namorada-cujo-namorado-vai-levá-la-a-casa-para-conhecer-os-futuros-sogros-cunhados-e-afins. Uma caturra! Admitam!: foi um querido. E eu? Aceitei, claro. É tudo para a semana. Qualquer dia pede-me em casamento. LOL
Pouco tempo depois do telefonema do R., recebo um telefonema do pai a convidar-me para o, veja-se! (repetição), Porto x Benfica que, ao que parece, é na quarta-feira. AHAHAHAHAHAHAHAHA! O pai é um amor e sabe mesmo que eu adoro futebol! LOL É que acertou! Conhece-me tão bem... Era TÃO habitual ir ver futebol com ele... Bom, pelo menos ele tem camarote no Estádio do Dragão. Não me misturo com a populaça, como é evidente. E eu? Aceitei, claro, vale tudo! Estou por tudo (pode ser que me aumente o salário...). Enfim, saio daqui e vou até à minha querida e adorada cidade do Porto que amo de paixão. Beijinho, beijinho aos portuenses.
Que dia maravilhoso e excitante. LOL
Lá vou eu perfumar e levar a Luz ao Estádio do Dragão. Será o melhor jogo da época. E ganhe quem ganhar, quero lá saber.








P.S.: Ai, só espero que aquela gente não desate aos tiros e às pedradas. Português é assim, minha gente!

12 comentários:

  1. Realmente ele foi um amor.
    É curioso saber que gostas de futebol, ou serei eu que não tenha entendido a ironia?

    ResponderEliminar
  2. Eric, eu ODEIO futebol, eheheh. :)
    Estava a ser irónico. :)

    lots of love ^^

    ResponderEliminar
  3. Mark, vens ao meu querido Porto e vais com certeza gostar.
    Confesso que a maltinha que vai ver o FCP arma sempre confusão seja com pistolada, pedradas ou afins, eu não sou fã de Futebol, acredita.
    Mas diverte-te com o R. e com o jogo de futebol e especialmente diverte-te pelas ruas do Porto que é lindoooo :)

    ResponderEliminar
  4. Filipe, eu amooooo muito o Porto e conheço a cidade muito bem. :) Fui muitas vezes ao Porto em criança e, depois do divórcio dos pais, continuei a ir, uma vez que o pai mudou-se para lá. :)
    Já futebol é que detesto mesmo, mas é uma forma de ir ao Norte e de estar um pouco com o pai.

    lots of love ^^

    ResponderEliminar
  5. Eu trocava de bom grado contigo a ida ao Dragão; mas num camarote de um apoiante convicto dos azúis, eu não abdicaria do meu cachecol vermelho do Glorioso!
    A única vez que fui às Antas (ao Dragão nunca fui), o Benfica ganhou lá, eheheheh...

    ResponderEliminar
  6. Pinguim, é mesmo pela viagem e pelo passeio. :D

    lots of love ^^

    ResponderEliminar
  7. wow muitos parabéns Mark!
    Estou contigo!

    Que ganhe o Benfica c(:

    ResponderEliminar
  8. Futebol e tal, é muito bonito, eu por acaso até gosto e sou do Benfica mas o essencial... VAIS CONHECER OS SOGROS???? Isto é, não devo ter percebido bem, MARK, VAIS CONHECER OS SOGROS? MESMO??? Só acredito quando vir! Ahahah, és o maior!!! Eu já conheci vários sogros (atualmente 'ex-sogros') e olha que não é pêra-doce. Mas tu safas-te! ;-)

    ResponderEliminar
  9. Coelhinho, como ele me vai levar lá a casa, em princípio vou conhecer "os sogros" (isto sou eu a querer meter a "carroça à frente dos bois", ahahahahah). :)
    É claro que brinquei, infelizmente. Nós não temos nada, para além da amizade. No fundo, no fundo, queria conhecer os sogros, na verdadeira acepção da palavra.

    lots of love ^^

    ResponderEliminar

Um pouco da vossa magia... :)