3 de maio de 2013

V Aniversário.


    Há cinco anos, no dia 3 de Maio, criei este blogue. Nessa altura não tive noção do mundo em que estava prestes a entrar. Fi-lo numa noite de inércia, como tantas que tinha naquela época. O caricato é que ainda me recordo vagamente de estar em frente ao computador a dar os primeiros passos nesta aventura. Em anos anteriores expliquei a origem do nome do blogue, relatei as peripécias dos dois primeiros anos sem que seguisse fosse que blogue fosse, escrevendo mais num exercício de desabafo do que propriamente encarando o blogue tal como ele é: um espaço dinâmico, voltado ao público, de interacção especial, livre que está da fugacidade de outras redes sociais. Honestamente, não deixa de me surpreender o facto de ainda estar aqui, vivo, após uma mão cheia de anos volvidos, mantendo-se a vontade de continuar o projecto. Comentando com um amigo há dias, referindo-lhe o meu blogue, opinou que já deveria ser uma continuação do meu Eu. Acertou. É assim que o encaro.

     Quando abri os horizontes do blogue, lá por inícios de 2010, comecei a acompanhar outros espaços; por sua vez, também eu fui descoberto, despertando-se o designado bichinho da blogosfera que reside em todos nós. Tenho diminuído o ritmo. Creio que a vontade se ressente dos anos e pouco mais há a explorar. Já conheço os "cantos à casa". Contudo, escrever por aqui é encontrar um refúgio seguro. Os laços que se criam e fortalecem são ímpares. O tempo corre a uma velocidade distinta...

     Não sei onde estarei daqui a cinco anos, nem daqui a um ano. Apesar da vida ser uma fonte inesgotável de temas e conversas, por vezes sinto que está quase tudo dito, que todos os caminhos foram explorados e que mais resultará em redundâncias inúteis. Poderá ser ridículo, mas é o que paira no momento.


      Resta-me agradecer-vos o carinho por me acompanharem.

      lots of love,


M.

   

36 comentários:

  1. Muitos parabéns
    Um grande abraço
    És uma referência
    Lots of love :)

    ResponderEliminar
  2. Para uma pessoa como tu, nunca será fácil sentires a falta de assunto para continuar a dar vida a este blog.
    Uma das coisas que mais me fascina nele é o teu testemunho pessoal que nele investes; sem medo, sem vergonha de contar as tuas imodéstias passadas, com um destemido encontro com um mundo que não conhecias, que temias e que foste, com tempo e com saber agregando ao teu mundo, a que nunca renunciaste, e bem.
    A evolução do teu blog, de um início, um pouco infantil, mas sempre sincero e honesto, para um blog maduro, excelente nas palavras e nos temas, é a história da tua própria evolução.
    É incrível como o tempo passa, Mark.
    Obrigado por tanto que nos tens dado e por seres a maravilhosa pessoa que és.
    A blogo não pode, de forma alguma, prescindir de um blog como o teu.
    E estou muito satisfeito de dentro de três semanas te poder conhecer ao vivo e te dar o abraço que agora te envio.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelas tuas palavras, João.

      Sim, já falta pouco. :)

      Eliminar
  3. Parabéns e que continues por aqui por muitos e muitos anos :)

    Tens um espaço que eu aprecio imenso visitar, e que me dá gosto ler o que escreves :)

    Eu nunca gostei de história. Aprendi a gostar de história numa aula de inglês e quando descobri este canto(foi a cereja no topo do bolo)

    Grande abraço de Parabéns

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sinto-me muito honrado por teres aprendido a gostar de História também graças ao meu blogue. :) É realmente uma honra para mim!

      abraço.

      Eliminar
  4. Parabéns por mais um ano de blog! Espero que ele continue por muito mais tempo no ar. Assuntos sempre aparecem. Diminuir o pouco o ritmo nem sempre é ruim. É melhor ficar um tempo sem escrever nada do que escrever qualquer coisa.

    Novamente, parabéns pelo 5 anos e que estes anos se multipliquem cada vez mais!

    ResponderEliminar
  5. Muitos parabéns Mark! Este cantinho é tão especial como tu :)
    Grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado pelas palavras, Arrakis. :)

      abraço.

      Eliminar
  6. Temos que combinar fazer uma grande festa de aniversário dos blogues e é uma pena eu não poder ir ao jantar do João e da Margarida porque talvez fosse o sitio certo para tal ;-)
    Estás de parabéns, e o teu blogue é uma referência. Só o sigo há dois anos, mas parece-me que não te faltará assunto. Escreves sobre os acontecimentos quotidianos com uma poética ímpar, e quando te lemos sabemos que és tu.
    Talvez os acontecimentos da vida, um dia, te levem a pausar o blogue ou termina-lo, mas isso pouco importa porque certamente já fizeste muitos e bons amigos por aqui nesses 5 anos.
    Abraço e muitas felicidades bloguista e pessoais

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras, sad. :)

      Não penso em parar. Abrandei não de forma propositada, mas porque assim a vida o impôs... :|

      abraço e muitas felicidades para ti também.

      Eliminar
  7. parabéns, Mark. não sei se o teu foi o primeiro blogue que comentei depois do do João Roque, mas tenho ideia que sim e é muito especial.
    cinco anos... :) ninguém sabe onde estará daqui a esses anos. espero que continues por aqui por muitos mais.
    bjs.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, querida. :)

      Sim, vamos contando ano a ano. Por enquanto ainda aqui andamos. Não deixo de sentir um certo orgulho por ter mantido o blogue tanto tempo, para mais sendo tão novo e imaturo quando o criei.

      beijinhos.

      Eliminar
  8. Parabéns Mark. É sempre bom vir aqui ler as tuas experiências ou as tuas deliciosas reflexões.

    E que venham mais anos.

    ResponderEliminar
  9. Parabéns Mark! Espero que continue escrevendo por muitos mais anos! :D

    Abraços!!

    ResponderEliminar
  10. Muitos Parabéns por este teu projecto, que já vai em 5 anos, e espero que venham outros cinco vezes infinito! :P

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Namorado. :) Vamos ver se dura mais cinco. :D

      Eliminar
  11. Parabéns por este teu refúgio.
    Mas não deixes de escrever também na forma de desabafo. É que existimos para darmos as mãos uns aos outros.
    Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Paulo. :)

      Sim. Este espaço sempre foi diversificado. Nunca deixei de falar das minhas coisas e continuarei a fazê-lo. :)

      abraço.

      Eliminar
  12. Vai-te lixar páh e a Mariah não presta :D

    ResponderEliminar
  13. Olá Mark!
    A ver se é desta! ;)

    Quando entrei na blogosfera, o teu blog foi o primeiro que li do princípio ao fim. Foi muito interessante fazer essa caminhada, percorrer e acompanhar a tua evolução enquanto pessoa e enquanto blogger. Tu cresceste muito ao longo destes 5 anos. Recordo-me das vezes em que te fiz "voltar atrás no tempo" para responderes a esta ou àquela questão que te colocava, à medida que ia lendo o teu blog. Em especial de te perguntar o nome daquele livro que tinhas lido numa bonita tarde no fim de um Verão há dois ou três anos atrás [o livro era o "O Cavaleiro da Casa Vermelha"].

    5 anos passaram. Estás quase a terminar a faculdade, tornaste-te um adulto. As preocupações mudaram, mas no fundo continuas a ser o Mark de sempre.

    E ainda bem que assim é! ^^

    Resta-me dar-te os parabéns e fazer votos que continues por muito tempo a dar um "ar da tua graça" aqui na blogosfera!

    João

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá João. Muito obrigado pelas tuas palavras. :)

      É verdade... passaram-se cinco anos, amadureci, mas continuo a mesma pessoa. E, por vezes, ainda se encontram resquícios do meu "Eu" mais antigo. :D

      abraço.

      Eliminar

Um pouco da vossa magia... :)