3 de maio de 2016

VIII Aniversário.


   E dita o relógio que é hoje. Foi há oito anos que inaugurei este espaço. Deixarei as considerações todas atinentes a como surgiu para os anos anteriores, uma vez que desde 2009, portanto, desde o primeiro aniversário, assinalo a data.

    A blogosfera não está morta. Os utilizadores é que esmorecem ao sentir que os demais estão em stand-by. E eu por cá continuo, às vezes como o Padre António Vieira, pregando aos peixes, mas não me posso lastimar: este blogue reflecte exactamente o que sou e, olhando para trás, vejo que cimentei o que queria. Amadureci, sim, mal seria ter parado no tempo. Não me interesso por muito do que me prendia a atenção. Faz parte do ser humano, gostar e desgostar. Tão-pouco me preocupa se desperto a curiosidade ou se agrado a quem me lê. Presumo, à partida, que quem o faz já sabe ao que vem.

    Não tenho expectativas, nem metas. Escrevo porque quero, porque me faz bem, porque fervilham em mim ideias que necessariamente preciso de exteriorizar. É um exercício purgativo. Estou bem ciente de que oito anos já é algum tempo. De que, provavelmente, o meu blogue, atendendo à minha faixa etária, será um dos que perdura. Frequentemente, dou por mim a pensar em como será aceder ao blogue daqui a vinte anos, se ainda não tiver sido substituído e eliminado por tecnologia mais avançada, e clicar sobre as publicações, percorrendo o histórico. Percebo que é bem possível que já cá não esteja. Não o blogue; eu. Indivíduos em constante alvoroço psicológico soçobram a um derrame qualquer ou algo que os valha. E eu sou um ser inquieto por natureza.

     Por forma a que não me alongue, resta-me agradecer a atenção de quem me segue e se dá ao trabalho de perder uns minutinhos do seu dia para ler o que resolvo escrever. Um muito obrigado. A sessão continua dentro de momentos.

lots of love,
Mark

35 comentários:

  1. Que venham mais 8 Mark e com a mesma qualidade :)

    Abc

    ResponderEliminar
  2. Olá Mark:
    Que bom festejar mais um aniversário do teu espaço, desta vez o oitavo. Muitos parabéns e que continues (continuemos) a festejá-lo por muitos anos.
    Gosto muito de te ler, seja qual seja o assunto. És um brilhante comunicador e por isso te visito, post a post.
    Não comento sempre, eu sei, mas não dispenso a visita frequente.
    Um abraço, Mark, com toda a ternura.
    P.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, P. Espero que esteja tudo bem contigo.

      Muitíssimo obrigado pela tuas gentis e afáveis palavras.

      um abraço fraterno.

      Eliminar
  3. parabéns, Mark. :)

    é isso: «Escrevo porque quero, porque me faz bem» e quem te segue sabe isso, embora nem sempre comente (eu ;) )
    bjs e que fiques aqui muitos mais anos.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Margarida.

      Eu também reduzi substancialmente o tempo que despendo aos blogues, visitas e comentários. Não o faço com tanta assiduidade.

      um beijinho.

      Eliminar
  4. Olá Mark, então parabéns por este dia. Oito anos é muito tempo. Escrever assim, deve ser como cuidar de um filho. É neste acto de escrever, que crias algo que te acrescenta, e que partilhas com os teus leitores. Sou uma leitora atenta e aprecio a tua escrita. Longa vida para ti e para o teu blog. Um beijinho. Lídia

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Lídia. Como está a senhora? Espero que se encontre bem.

      Manter um blogue exige dedicação e tempo. Tento não me preocupar com isso. Olho para trás e oito anos se passaram!

      Muito obrigado por me acompanhar. É uma honra.

      um beijinho.

      Eliminar
  5. Olá Mark. Muitas felicidades!! E espero que este blog conte com muitos mais anos, com toda essa perseverança tão característica em ti! :))
    Um grande abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá. K. Sê bem-vindo. Já tinha dado pelo teu regresso, ainda que não tenha lido quase nada.

      Muito obrigado.

      um abraço.

      Eliminar
  6. Parabéns, Mark! Que o seu blog tenha mais e mais décadas.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Tiago.

      Só daqui a dois anos completará uma década.

      Eliminar
    2. Desculpe, confundi então. Feliz 8 anos de blog.

      Eliminar
  7. Muitos Parabéns amigo :)

    8 anos, já é muito tempo por aqui :) e espero que continues por cá os mais 20 como referiste :)

    Tentarei andar por cá :)

    Grande abraço amigo Mark

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Num mundo em constantes mudanças e permanentes convulsões, dificilmente esta plataforma duraria tanto tempo. Mas... quem sabe?

      um abraço, amigo, e obrigado.

      Eliminar
  8. Apesar de não o acompanhar há muito tempo, a sua leitura é gratificante. Não comento muito, é verdade, pois, quando não tenho opinião formada, calo-me.
    Por outro lado, quando a minha posição é extremada e demasiado díspar (nunca aconteceu aqui neste seu espaço), também me deixo ficar, pois não me é agradável entrar em conflito; frequentar um espaço público virtual, como é o caso, implica vontade e prazer, atividade lúdica de tempo livre, pois para irritação basta-nos o dia a dia (e eu tenho que baste!).
    Assim, quando aqui venho, e faço-o amiúde, é porque me dá prazer, doutra forma não faria sentido.

    E, apesar de me dizerem que não (a elegância e a gentileza a isso o incita), creio que, por vezes, escrevo demasiado, pois é-me difícil deitar ao vento só umas frases de circunstância.

    Gosto de o ler, pela forma simples, clara e concisa como desenvolve os assuntos que o movem (muitos deles interessam-me de sobremaneira), mas a sua escrita é igualmente técnica e correta nos respetivos contextos ... tomara que assim fossem muitos dos "escritores" que pululam no nosso universo literário!!!!
    Quantas vezes leio uma frase, duas, três vezes e fico exatamente na mesma, sem entender o que se pretende comunicar ... com certeza nada, e aí, até estarei certo.
    Espero que continue a ter prazer em ter este seu canto, pelo qual o felicito.
    Eu segui-lo-ei enquanto me for possível ... já sei, estou a ser prolixo ...
    Manel

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá, Manel.

      Vejo que memorizou o "prolixo", qualificação que atribuí ao discurso de posse de Marcelo Rebelo de Sousa. Não consegui evitar um sorriso ao ler.

      Obrigado. É nesse ponto de equilíbrio, digamos assim, que está a virtude. E nem sempre é fácil consegui-lo. Ser sucinto, não descurando o rigor e a compreensibilidade é algo que tenho sempre presente. Sei bem o quão denso é um texto de Direito, nomeadamente, e não faria sentido publicar um artigo ininteligível. Ao escrever crónicas e ao torná-las públicas, terei de ter em conta o público-alvo. Se quisesse escrever para mim, pois bem, manteria o blogue restrito. Esta plataforma é abrangente; não está direccionada a juristas ou a historiadores, citando estes exemplos.

      Cumprimentos, e espero continuar a ser merecedor da sua preferência.

      Eliminar
  9. Parabéns! Mantém-te no ar que a blogosfera precisa.

    ResponderEliminar
  10. Quando entrei para a blogo, o teu foi o primeiro blogue que li do príncipio ao fim. Foi bom conhecer-te e constatar o teu crescimento e evolução com o passar dos dias, semanas, anos e muitoas experiências. Dure o teu blog mais um ano, 10 anos, ou até que deixes de o escrever de um dia para o outro, o teu blog é sem sombra de dúvidas um ícone de história, sobre a História e certamente um valioso tesouro para todos aqueles que gostam de saber mais sobre o Mundo que os rodeia, mas também sobre a História ao longo dos séculos.

    Um grande e estimado abraço, meu querido Mark!
    Parabéns! ^^

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado pelas palavras. Simpatia tua, amigo.

      um grande abraço, Sphinx.

      Eliminar
  11. Que legal! Já tem história por aqui meu amigo. Começamos quase juntos. Eu em Julho de 2007.

    Parabéns pelos 8 anos e que venham mais oito por aqui.

    Beijão

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Com um ano de diferença. Não poderia imaginar estar por aqui, oito anos volvidos.

      Obrigado, amigo.

      um abraço.

      Eliminar
  12. Amigo! Não poderia de deixar de registrar meu comentário na celebração desta data, ter um blogue é meio que um ato de "resistência", mais que isso é um ato de generosidade e partilha...

    Parabéns pelo teu blogue e que possamos estar contigo por muitos e muitos anos, sempre muito bom passar por aqui e te ler! Ainda que esteja meio quieto esses tempos, tenha a certeza que sempre estou passando por aqui.

    Grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Um blogue exige disponibilidade e entrega. Também depende dos temas que o blogue aborda e do interesse do seu autor.

      Obrigado, amigo Latinha.

      um grande abraço.

      Eliminar
  13. Parabéns, Mark!
    (Um dos esmorecidos)

    ResponderEliminar
  14. Então estás de parabéns!!! E escrever faz bem, o simples ato por vezes é mesmo libertador. Que venham mais e mais e mais :-)

    ResponderEliminar
  15. UAU! parabens! seu bebe cresceu.... já tá um mocinho! continue firme! abraços de monte!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, Homem, Homossexual e Pai. :)

      um abraço sentido.

      Eliminar
  16. Muitos parabéns, super-hiper-mega atrasados :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ainda estamos em Maio. :D Muito obrigado, senhor Horatius!

      Eliminar

Um pouco da vossa magia... :)