15 de julho de 2014

Suspiros Finais.


   Calor. Meados de Julho. Queria ir à praia e não posso. Estou literalmente metido entre livros de milhentas páginas, teses de mestrado, dissertações, monografias... A mãe perguntou-me, há dias, o que me leva a exigir tanto de mim. Não lhe soube responder. Creio que sou incapaz de dar apenas a metade do que posso. Quando me dedico a algo, tem de ser por inteiro.

   O bom de tudo é que não sou de passar horas a fio em casa. Saio. Estudo bastante no jardim da avó. É amplo, tem um recanto com árvores que proporciona uma brisa fresca, de final de tarde, insubstituível. Coloco os livros numa mesinha, o portátil, e por ali fico. Às tantas, esqueço-me da hora do jantar.
   Estou licenciado. Não fiz alarido disso, como alguns colegas que assim que souberam a última nota correram para actualizar o estado no facebook, agradecendo ao amigo, companheiro de casa, tio em quinto grau, padeiro do bairro, porquinho-da-índia. Até porque se tivesse de agradecer a alguém, seria a mim, em primeiro lugar, que estudei, e aos pais, que bancaram os quatro anos, naquele que é considerado um dos cursos mais dispendiosos - só em livros.

    Tenho duas orais. Uma na quinta, à tarde, e outra no dia vinte e três, quarta que vem. Estou tão entusiasmado quanto para assistir a um programa da TVI em primetime. Para piorar, ando adoentado nos últimos dias. Uma qualquer virose ou o raio. Dores de cabeça, de estômago e dificuldade em deglutir. Deve ser o maldito ar condicionado. A ansiedade está fora do normal - nem o Valdispert faz efeito.

     O mais engraçado é quando me perguntam como vão as "férias". Férias? (gargalhadas sarcásticas)

21 comentários:

  1. Olha, eu estou... de férias :D
    Coisas de trabalhadores, que temos de tirar férias obrigatoriamente (o Passos Coelho ainda não levo isso).
    Mas estarás de férias em Agosto, não?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, até tens ido à praia e tudo. :)

      Sim, a partir de dia 24, inclusive. Dia 25 vou à praia, ai se vou, vou, vou!

      Eliminar
  2. ahah não te safas: Parabéns (e um beijinho ao porquinho da índia).
    Well Done, Mark!
    sei como é difícil, e eu, ao contrário de ti, fui um péssimo aluno de direito, nunca me esforcei mais do que o necessário para me licenciar à justa.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Thanks. :)

      Um bocadinho mais de esforço e terias sido um aluno brilhante, pois inteligente és tu. :)

      Eliminar
  3. Tá mal. Tá mal. Tá mal.
    Agradeça aos seus leitores que o aturaram e tanto o ajudaram a passar os dias de desespero judicial xD

    ResponderEliminar
  4. Boa sorte Mark! Espero que tudo te corra pelo melhor!
    Vais estar por Lisboa na última semana de Julho? ^^
    Jiinho e abraço grande :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, João. :)

      Sim, vou sim. Estou sempre por cá. Lol Às vezes o mal é esse.

      um abraço grande!

      Eliminar
  5. Parabéns amigo doutor :)

    Melhoras e boas férias :D

    Abraço amigo Mark

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado, Francisco. :)

      um abraço, e obrigado também pelas melhoras (ando em baixo).

      Eliminar
  6. Logo logo termina essas provas e pode descansar! :) Melhoras! Um abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Não vejo a hora! Obrigado, Ty. :)

      um abraço.

      Eliminar
  7. Ora Parabéns Dr Mark! :D :D

    As melhoras! ;)

    ResponderEliminar
  8. Parabéns!!!!
    Rápidas melhoras e força.
    Grande abraço,
    Paulo

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigado, Paulo. Da virose, completamente recuperado. :)

      um abraço grande e espero que esteja tudo bem contigo e com os teus familiares.

      Eliminar
  9. Que coragem! Parabéns, pela dedicação também!

    Abraço!

    ResponderEliminar

Um pouco da vossa magia... :)