10 de setembro de 2012

O amigo da Batá.


   O amigo da Batá está connosco há dezassete anos. Nos finais de Novembro de 1995, uma amiga da mãe resolveu presenteá-la com este bichinho. Cresci com ela. Provavelmente será mais velha do que eu.

   Não tem nome. Nunca foi baptizada. Era pequenina, segundo a mãe, e agora está deste tamanho. Não sabemos se é macho ou fêmea, mas tendo em conta que a Batá põe ovos e que esta nunca o fez, presumo que seja um macho.

   Eu e a Margarida somos compadres. :)


 

Não está habituado a tirar fotos. :D




17 comentários:

  1. Muito fofa a sua tartaruguinha, mas tem q pôr nome nela. ahah!

    Abraços.

    ResponderEliminar
  2. Citizen:


    Nunca aconteceu escolher-lhe um nome. Mas esse detalhe em nada diminui a minha estima por ela. Gosto muito dela. :)


    abraço :3

    ResponderEliminar
  3. :D que linda a tua tartaruga, Mark. 17 anos, mais velha 1 ano que a Batá.
    A minha é uma herança, a minha mãe tomava conta dela e eu recebi-a, com receio, pq nunca tinha tido nenhum animal deste género, mas agora adoro-a (e a esta hora da matina, acabou de sair da água pela rampa e vai até à janela apanhar sol).
    bjs.

    ResponderEliminar
  4. comentário seguinte: graças a ti, o post da Batá teve um número recorde de visitas, :D.
    bjs.

    ResponderEliminar
  5. Margarida:

    Tal e qual, esta também adora apanhar sol. :) Estica as patas traseiras e a cabeça, cerrando os olhos com satisfação. Adora! :D

    Está enorme! :)


    beijinhos :*

    ResponderEliminar
  6. Muito linda a sua tartaruga, Mark :)
    É bem grandona ela, ela come o quê mesmo? Curiosidade minha, rs

    Abraços!

    ResponderEliminar
  7. Ty:


    As tartarugas são omnívoras, ou seja, comem vegetais e carne. Comem de tudo. No entanto, eu apenas alimento a minha com camarão e peixe. Há quem as alimente com carne. Uma vez dei uma almôndega à minha e ela deliciou-se. :D Ahah


    abraço :3

    ResponderEliminar
  8. A minha filha tem uma daquela pequeninas :)

    ResponderEliminar
  9. sad:


    Não sei qual é a espécie da tartaruga da tua menina, mas olha que esta também era pequena, segundo a mãe, e agora está enorme e pesadíssima! :D

    Não te esqueças de que o pequenino se faz grande (olha!, um dito que poderia ser gay, ahah). :D

    ResponderEliminar
  10. Poderias colocar Speedy...

    Ele deve andar tão babado que nunca mais publicou nada :)

    Parabéns às tartaruguinhas e aos respectivos compadres :)

    Abraço amigo

    ResponderEliminar
  11. Francisco:


    Oh, o Speedy, por onde andará ele? :|

    Sabes, há uns tempos, curiosamente, o Speedy deu um nome à minha tartaruga, a propósito de uma conversa em que referi exactamente o facto de ela não ter nome. Só que, infelizmente, o nome não "pegou" na minha memória. :)


    abraço e obrigado, ahah :D

    ResponderEliminar
  12. Depois da tartaruga, podias adotar um coelho ;)

    ResponderEliminar
  13. Coelhinho: És tão querido. :) Não posso ter mamíferos devido à asma. :|

    ResponderEliminar
  14. tu e a Margarida quando quiserem, podem adoptar-me. Como pouco, faço pouco barulho e adoro enroscar-me no sofá.

    ResponderEliminar
  15. Speedy: Awwwn, que fofinho. :)

    ResponderEliminar
  16. Speedy, seremos uma família moderna, uma semana na minha casa e outra na do Mark :D

    ResponderEliminar

Um pouco da vossa magia... :)