8 de maio de 2010

Sonhos em Algodão Doce

Os meus sonhos são como os teus. São feitos em algodão. Aquele algodão fofo, rosa e macio que voa ao sabor agitado e impetuoso do vento. O amor trespassa o macio do algodão, deixando-o leve e sedoso nos nossos corações. Esse mesmo amor que é doce como o açúcar e como o mel. Esse sabor doce que adocicou a tua boca, ao fazê-la proferir aquelas palavras apaixonadas que me soaram a magia. Quero de novo esse doce que há em ti. Preciso do teu açúcar que me fez sonhar naquela tarde de Verão, quando ambos percorríamos a estrada de sabor com o nosso algodão doce... Sabia a amor, sabia a sinceridade infinita. Sabia a ti e a mim. Éramos só nós, e a vida era tão doce... A magia do algodão transportava-nos para um mundo sem paralelo, um mundo só nosso. Tenho em mim o teu sorriso açucarado; guardas no teu coração o açúcar que tinha na minha boca? Falei-te de amor, falei-te do nosso doce. Essa inocência mágica envolvia-nos na sua chama de protecção e amparo. E o sol testemunhava o sabor melodioso das nossas palavras. Os sorrisos que partilhámos, os olhares de sabores que transmitíamos num êxtase mágico. Tudo sabia a morango, o sabor do nosso algodão doce. O sabor daquela tarde imaterial.
Tenho em mim o teu abraço forte. Nada nos podia atingir. Éramos um, assim como o nosso algodão. Era a suprema felicidade. Uma felicidade doce e macia como o algodão doce que comprámos. O nosso amor era etéreo e subtil. A brisa fresca que corria fazia-me tremer de frio, no entanto, tu estavas lá. A perfeição era essa, simbolizada num ângulo que podia ser pintado. Um sopro de ti. Um sopro de amor. Um sopro de nada.
O sonho era o algodão doce. O seu sabor que ainda sinto nos meus lábios, de noite, quando me lembro de ti.

2 comentários:

  1. O algodão doce é tão doce como um carinho, um gesto de amor... é doce!

    PS:Inspiras!

    ResponderEliminar
  2. UAU! Não há nada mais doce que o amor!

    ResponderEliminar

Um pouco da vossa magia... :)